Com fachada de vidro, restaurante dialoga com rua

A fachada de vidro do Restaurante Tuju, inaugurado em São Paulo, foi pensada pelos arquitetos do escritório Vapor 324 e Garupa Estúdio, para traduzir em transparência todo o sistema de produção do restaurante, além de valorizá-lo. Como explica o arquiteto Rodrigo Oliveira, do escritório Vapor 324, o vidro serve de vitrine na fachada, para que o prédio dialogue com a cidade.

fachada-de-vidro-restaurante-tuju_vidro-certo

No interior do restaurante, localizado na Rua Fradique Coutinho, 1248, no bairro de Pinheiros, zona oeste de São Paulo, a integração através do vidro e de aberturas faz com que os espaços se comuniquem e convidem os clientes à ocupação.

fachada-de-vidro-restaurante-tuju-3_vidro-certo

Apesar de parecer uma construção nova, o restaurante é fruto de uma reforma no antigo prédio. Os arquitetos privilegiaram vidro e madeira para ambientar o espaço interno e as áreas abertas, alcançando um ar contemporâneo no projeto. O vidro, aliás, faz com que os clientes possam observar o funcionamento da cozinha, que fica na entrada principal do prédio.

fachada-de-vidro-restaurante-tuju-6_vidro-certo

A horta também é um destaque do restaurante, que não tem jardins, mas paisagismo comestível, que vai direto para os pratos. Ao todo, são quase 300 variedades de espécies, como ora-pro-nóbis, beldroega, jambu, milho, capuchinha, ervilha e azedinha. As mais delicadas ficam numa estufa, no andar superior do prédio.

fachada-de-vidro-restaurante-tuju-7_vidro-certo

Veja no vídeo o que os arquitetos falam sobre a construção e sustentabilidade do projeto:

Fonte: Galeria da Arquitetura