O uso do vidro em elevadores

elev_dubai                                  @Reprodução Internet

Os elevadores começaram a ser fabricados no Brasil em 1918 e, naquela época, eram simples cabinas movidas à manivela. Com o passar dos anos e do desenvolvimento da indústria da construção civil, o funcionamento manual dos elevadores deu lugar a modernos e sofisticados mecanismos e designs, incluindo modelos com o uso do vidro.

Foi em 1931 que surgiu o elevador mais parecido com o que utilizamos atualmente, com a construção do Empire State Building, em Nova York. A máquina de tração ficava instalada dentro da casa de máquinas (em cima ou embaixo do fosso), que era responsável por mover o elevador através de um contrapeso. A partir de então, tudo virou automático, funcionando apenas ao toque de um botão.

Atualmente, os elevadores podem ser executados sem a necessidade de instalação de casa de máquinas. Os elevadores mais rápidos do Brasil atingem a velocidade de 10 m/s (ou 600m/min), 48 vezes mais rápido do que os elevadores movidos a vapor, em 1853.

Os equipamentos mais velozes do mundo estão Dubai, nos Emirados Árabes. No edifício mais alto construído até então, na Torre Burl Khalifa, com 828 metros de altura e 160 andares, os elevadores se deslocam a cerca de 18 m/s (ou 65 km/h).

A diminuição do tamanho dos motores também faz parte da evolução dos elevadores. Todas essas mudanças favorecem ainda a composição estética do edifício.

O arquiteto moderno tem liberdade para criar elevadores que se integrem visualmente ao projeto do edifício, combinando cores e materiais.

Por ser transparente, seguro e elegante, o vidro é frequentemente utilizado em grande projetos. O vidro proporciona luminosidade natural ao interior dos elevadores e sensação de controle sobre o ambiente exterior, já que tudo pode ser visto. O uso de espelhos no interior e revestindo os elevadores também são comuns, aumentando a dimensão do local e oferecendo conforto ao usuário.

Veja alguns modelos de elevador com o uso do vidro (panorâmicos e espelhados):

Panoramico                                          @Vidro Impresso

Elevador_daiken                                       @Vidro Impresso

ceb169716c0f851cac1f0d21e45d35ae                                                                      @Curiosity.jp

fli                                                        @Flickr

arq_43124                                          @ArcoWeb

Elevadores - Cabina_interna$$229 - Cópia                                              Reprodução Internet

Fonte: Arch Daily