Vidro antibactéria é solução ideal para hospitais ao alinhar estilo e eficiência

Adaptável a qualquer ambiente arquitetônico, o produto garante segurança principalmente a médicos e pacientes por ser capaz de eliminar 99,9% de bactérias e prevenir proliferação de fungos

 

Vidro-Antibactéria-Vidro-alinha-estilo-e-eficiência-em-hospitais_1

 

A AGC Vidros do Brasil, primeira unidade na América Latina da AGC Vidros, líder mundial na produção de vidro plano, traz ao mercado uma gama de vidros antibactéria capaz de eliminar 99,9% das principais bactérias encontradas em ambiente hospitalar, além de prevenir proliferação de fungos, segundo testes da Universidade Livre de Bruxelas (Bélgica) e The Salford University (Reino Unido). A solução, indicada para hospitais, clínicas entre outros ambientes já conquistou diversos prêmios de inovação científica pelo mundo.

agc_hosp8

O segredo é uma técnica desenvolvida e patenteada pela AGC que consiste na difusão de íons de prata nas camadas superiores do material. Ao interagir com essas partículas, as bactérias têm seu metabolismo desativado e sua divisão mecânica interrompida, o que acaba por destruí-las. O resultado é um produto ideal para utilização em locais onde a assepsia é vital para a saúde de pacientes e médicos, como unidades de tratamento intensivo, de tratamento de câncer, recepções de hospitais e em salas de cirurgia e procedimentos.

agc_hosp

O valor estético não foi deixado de lado. Os vidros antibactéria da AGC podem ser encontrados em diversas cores e também sob a forma de espelho antibactéria, o que os torna adaptáveis a uma infinidade de ambientes, principalmente os de grande circulação. Os vidros antibactéria, quando utilizados em janelas e portas externas, alinha à tendência dos hospitais de aumentar o uso do vidro em geral em sua arquitetura, uma vez que o material permite a passagem de luz, dando aos pacientes maior oportunidade de contato com o mundo exterior e, consequentemente, humanizando a internação.

agc_hosp6

“Este modelo de vidro pode ser utilizado em janelas, divisórias e portas encaixilhadas ou com persianas internas, como revestimento de parede e de móveis (quando pintado), como espelho bactericida e ainda como box de banho, quando encaixilhado”, diz Katia Sugimura, consultora externa da empresa. “O material remete à modernidade e é tendência em locais onde há necessidade de maior rigor de higiene”, completa.

agc_hosp5